terça-feira, 31 de maio de 2011

Café: uma paixão nacional. Como pedir um café em Portugal.

Aprendi a beber café aqui em Lisboa. 
Descobri que o café daqui é mil vezes mais saboroso do que é servido no Brasil.

Além de beber, também aprendi a tirar e servir o café. 
A Dona Jane deu-me essa oportunidade de ouro! Trabalhei 2 meses em seu estabelecimento, o Stuppendo, que compreendia um restaurante, uma pizzaria e um café no Continente de Telheiras.
Isso aconteceu logo no mês seguinte à minha chegada a Portugal e até o momento, não estava habituada ao modo de falar e às expressões utilizadas no dia-a-dia.

Eu, que só conhecia café com leite, pingado e o italiano, pareceu-me fácil servir cafezinhos no balcão até eu descobrir que aqui, café é coisa séria e tem diferentes formas de ser apreciado.
Café é uma paixão nacional!



Já tinha ouvido falar sobre os baristas, que estão para o café assim como os escanções (sommeliers) estão para o vinho. Mas nunca imaginei que existe um barista dentro de cada português. Principalmente no “meu” português, que só bebe “quase cheio”.

Para você que pretende visitar Lisboa ou que pretende se aventurar no mundo dos baristas, seguem alguns modos de servir o café (pelo menos são estes os que aprendi a servir…) divididos por categorias:

Quantidade: curto, normal, quase cheio, cheio, banheira
Chávena (xícara): chávena fria, chávena escaldada, abatanado, americano
Tipos: carioca, sem princípio, escorrido, descafeinado, garoto, meia de leite, bica

E não posso deixar de citar aquele que minha mãe e todas as velhinhas mais amam: o galão!

Galão com torradas
o pedido mais comum nos pequenos almoços

Galão no copo que eu costumava servir  os clientes do Stuppendo

Esse artigo é dedicado a nm.fm que sugeriu o tema ao comentar 25 razões para amar Lisboa. Obrigada pela sugestão e por me lembrar de uma experiência fascinante que tive logo ao chegar aqui em Lisboa. Foi nesse café que “aprendi” a falar português, a conhecer a cultura local e apaixonar-me ainda mais por esse país tão precioso.

Leia mais sobre como pedir um café em Lisboa aqui.


3 comentários:

  1. Obrigado! :)
    Sempre às ordens!
    Já agora, sobre a questão de Lisboa e o cinema: Em "Gulliver's Travels" (http://www.imdb.com/title/tt0115195/) por vezes parece tudo muito familiar...
    Bons posts!

    ResponderExcluir
  2. Então e o cimbalino?para quem se situa a norte de Portugal ficaria ofendido por faltar esta referência.Enquanto na capital se solicita uma bica, no Porto pede-se um cimbalino o equivalente!(este nome deriva das primeiras máquinas italianas Cimbali)mas também ainda subsiste em pouquissímos locais de Lisboa um outro género de café conhecido antes de as máquinas italianas de café expresso invadirem Portugal e que era frequente encontrar em todos os cafés e pastelarias o chamado "café de saco"muito saboroso e já com açucar adicionado.

    ResponderExcluir
  3. Eu sou viciado em Café! Bebo, habitualmente, 5 cafés por dia, sempre sem açúcar! Já não funciono sem ele!
    Desculpa o atraso no comentário a estes posts, mas tenho tido cada vez menos tempo. Adorei voltar ao teu blog! Aprendo sempre muita coisa!
    beijinhos.

    ResponderExcluir

Os mais lidos