sexta-feira, 20 de maio de 2011

Violência nas ruas?

 Ao assistir o telejornal da SIC na tarde de ontem, deparei-me com o presidente do Partido Nacional Renovador, José Pinto-Coelho a dizer algumas verdades e outras nem tanto. Eu, que sou de fora, pelo pouco que acompanho, fiquei surpresa com seu discurso. Em certo ponto da conversa, ele disse que os portugueses não querem mais violência nas ruas.

Violência nas ruas? Que violência?!

Não vou entrar em discussões políticas, cada um tem uma visão, tem seus próprios interesses e cabe votar naquele que o parecer mais conveniente para si. Mas vote. Use o voto para pronunciar sua voz, vote em quem realmente acredita. E se não acreditar em ninguém que lá está, dê seu voto em branco. Votar em branco também é legítimo. Por favor, faça valer o único direito legítimo em ser cidadão de um país democrático: VOTE!

Mas chega de voto e voltando ao tema violência…
Eu, como cidadã estrangeira, moradora de Lisboa desde 2009, não vi nem senti violência alguma nas ruas dessa cidade. Não sei onde ela se encontra. Não sei como ela se apresenta aos olhos de José Pinto-Coelho. 

Uma das coisas que mais encanta-me aqui é isso: a segurança.

Podemos deixar os carros dormirem nas ruas, as roupas na varanda, os caixas electrónicos são expostos nas calçadas e a qualquer horário podemos levantar dinheiro. Vejo policiais no metro e nas ruas (que por sinal, são todos lindos), operações stop (para as pessoas não conduzirem alcoolizadas). Não tenho medo de caminhar e alguém puxar minha bolsa, não tenho medo de parar nos semáforos e alguém levar o relógio que está no meu pulso, não tenho medo de falar ao telemóvel e alguém roubar meu aparelho.

Ainda não chegamos a esse ponto em Lisboa ou em outras cidades de Portugal. (Acredito eu.)
Não convém deixar as portas de casa abertas a noite, andar todos cheio de jóias no meio da rua ou passear em bairros sociais durante a madrugada. Medidas de segurança. Mas onde isso ainda não é necessário?

Portugal é um país seguro sim, aqui não sinto medo, aqui tenho paz.

* Há 3 anos atrás, estava na moda em São Paulo, um tipo de roubo nos semáforos, que o vídeo abaixo apresenta. Para quem não sabe o que é violência, imagina esperar o farol ficar verde enquanto um ladrão leva sua bolsa pela janela? Muitas amigas minhas foram assaltadas assim. Hoje já não acontece isso, mas ainda ficamos alerta nos faróis por causa dessa época.
Que isso nunca aconteça aqui.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os mais lidos